MSC e Inttra anunciam parceria para cumprir novas regras do transporte marítimo Solas VGM

A MSC, um dos maiores armadores do mundo, e o INTTRA, portal eletrônico de transporte marítimo, anunciam uma nova parceria. Pelo acordo, a MSC vai usar globalmente, incluindo o Brasil e América Latina, a nova ferramenta e VGM do INTTRA, como um canal para receber de seus embarcadores as informações do peso bruto verificado (VGM – Verified Gross Mass).

A partir de 01 de julho, segundo o acordo internacional SOLAS VGM da IMO (International Maritime Organization), nenhum contêiner será carregado no navio sem as informações do peso bruto verificado (VGM).

“Estamos satisfeitos por fazer parte desta parceria com o INTTRA para implementação global desta inovadora ferramenta eVGM, disse Fabio Catassi, CIO (Chief Technology Officer), da MSC. “A ferramenta eVGM do INTTRA nos ajudará a continuar fornecendo serviços de qualidade aos nossos clientes, possibilitando-os enviar os VGMs digitalmente.

Acreditamos que esta ferramenta também ajudará a minimizar potenciais interrupções de embarques de nossos clientes e custos adicionais, tais como armazenagem em terminais portuários bem como no transporte”, avalia Catassi.

Além disso, a MSC une-se à Iniciativa eVGM do INTTRA – um grupo não comercial com mais de uma dúzia dos principais armadores, agentes de carga e operadores de terminais. O INTTRA teve esta iniciativa para expressar uma preferência pela transmissão de forma digital do VGM, a fim de estabelecer uma tecnologia adaptável ao padrão que convenha na nossa indústria.

Diversas formas para o envio do peso bruto verificado (VGM) acabam sendo essenciais para nossa indústria, resultando em redução de custos e melhor eficiência para aplicação desta nova emenda do SOLAS. A MSC se junta à iniciativa do INTTRA eVGM para compartilhar sua experiência junto à comunidade do transporte marítimo auxiliando, assim, a refinar continuamente os padrões de mensagens para envio e recebimento do eVGM.

“Estamos muito felizes com esta parceria com a MSC, que adota globalmente o eVGM do INTTRA, e agradecemos a colaboração da MSC em aprimorar, com sua expertise, a iniciativa eVGM”, disse o CEO do INTTRA, John Fay. “A MSC dá um passo estratégico ao adotar a nossa solução eVGM em escala global e é um dos primeiros líderes no uso desta tecnologia para resolver as alterações que a emenda SOLAS VGM criou na nossa indústria”, finaliza Fay.

O eVGM do portal INTTRA está disponível em duas versões, para armadores e para embarcadores e exportadores, e oferece os benefícios de uma abordagem padronizada, com alto nível de flexibilidade e capacidades de acompanhamento e status de cada VGM enviado por meio de relatórios. O eVGM atende o acordo internacional SOLAS VGM e reduz a interrupção de processos de negócios existentes. Também pode facilitar a transmissão dos VGMs dos armadores aos terminais portuários – um passo importante e necessário antes de um contêiner ser carregado no navio para fornecer os relatórios de auditoria necessários.

O INTTRA eVGM para embarcadores e exportadores é um produto do INTTRA que permite o envio do VGM aos armadores mesmo se o booking ou a instrução de embarque (Draft BL) não são enviados pelo INTTRA, sendo assim, o envio do VGM pode ser feito de forma independente. Ambas soluções serão oferecidas em uma variedade de formatos de EDI e de serviços Web compatíveis, bem como o envio do eVGM via e-mail. Interessado em obter mais informações sobre o INTTRA eVGM ? Envie email para vgm@inttra.com.

As notícias publicadas no clipping refletem as opiniões dos seus respectivos autores e não do Escritório. Sendo o clipping apenas uma reprodução das notícias extraídas de fontes diversas, o Escritório não se responsabiliza pelas informações publicadas ou por danos causados pelo uso dessas informações.
Compartí:
Facebook
Twitter
Google+
http://www.alfatrading.com.py/pt-br/msc-e-inttra-anunciam-parceria-para-cumprir-novas-regras-do-transporte-maritimo-solas-vgm/
LinkedIn
Email
Back to top